buraco-macular

Buraco Macular

Buraco macular é uma patologia que compromete a Mácula, parte central da retina (fundo de olho) região onde a visão possui maior definição. E nessa área que a visão de detalhes como leitura, visão de cores, ocorre. Portanto, a maioria dos pacientes portadores de Buraco Macular queixa de visão central distorcida ou mancha central e visão periférica sem anormalidades. Fixando com o olho comprometido para o rosto de uma pessoa e tampando o outro, normalmente os pacientes queixam que o nariz, boca e olhos estão distorcidos, enquanto o restante permanece inalterado.

Existem algumas teorias para o aparecimento do buraco macular, dentre elas, forças tradicionais exercidas pelo gel vítreo e também forças tangenciais sobre a superfície retiniana e a mais aceita, mas ainda controverso. Os fatores de risco mais comuns são: idade acima de 60 anos, sexo feminino e alta miopia. Comprometem os dois olhos em 20% dos casos.

É mandatória na avaliação pré-operatória em nosso centro oftalmológico em BH, além do mapeamento de retina e a retinografia colorida, a realização da tomografia de coerência óptica (OCT) para classificação do buraco e estudo detalhado. O tamanho do buraco macular é o único fator pré-operatório que tem sido relacionado como fator de prognóstico de fechamento cirúrgico; o tempo de existência do buraco não é um fator determinante se o tamanho for favorável.

Embora o tempo de duração tenha influência no potencial de recuperação visual, a avaliação do EPR e das camadas externas retinianas, na região subfoveal com OCT-SD e autofluorescência podem ser mais efetivos, neste sentido preditivo da acuidade visual nos buracos de longa duração. Portanto, os melhores resultados cirúrgicos, tanto relacionados com o fechamento do buraco quanto a recuperação da acuidade visual acontecem nos buracos maculares pequenos e recentes.

A cirurgia realizada e a vitrectomia posterior via pars plana associado à remoção da membrana mais interna da retina da região macular, chamada Membrana Limitante Interna e ao final do procedimento implante de uma bolha de gás na cavidade vítrea para fazer o efeito tampão e de tensão superficial sobre o buraco.

A cirurgia, tem duração de 1 a 2 horas, a anestesia é local associada a sedação e o paciente é liberado ao final do dia. O curativo no olho operado permanece nas primeiras 24 horas, sendo depois retirado e iniciado o uso de colírios. Para que a bolha de gás exerça seu efeito tampão, é necessário que o paciente permaneça na posição que chamamos de “face down”, ou seja, olhando para baixo 6 horas por dia durante 6 dias. A visão permanece bastante embaçada nas primeiras semanas, até pior que antes da cirurgia devido a bolha de gás intraocular.

Em toda cirurgia de vitrectomia, os pacientes vão desenvolver catarata, principalmente os pacientes que são submetidos a implante de gás intraocular. Portanto, hoje quase de rotina, os cirurgiões realizam a retirada do cristalino antes ou durante o procedimento da vitrectomia.

Para saber mais sobre preço da cirurgia de vitrectomia em BH, e sobre planos de saúde, fale com uma de nossas atendentes e tire todas as suas dúvidas.

Você tem dúvidas sobre a doença Buraco Macular? Acesse a área de atendimento do site, teremos o maior prazer em atendê-lo.

71588

Diretor Técnico: Dr. Rodrigo Versiani - CRM/MG: 34376 - RQE 30648

Consultórios: Av. Bernardo Monteiro, nº 1299 – Bairro: Funcionários. Belo Horizonte/MG

Telefone e Whatsapp de Atendimento:

(31) 3235-0001

Centro Cirúrgico: Av. Bernardo Monteiro, nº 1299 – Bairro: Funcionários. Belo Horizonte - MG

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support