Notícias

01
Out

Transplante de córnea, a última linha de defesa contra o Ceratocone

transplante de córnea

Impedir o Ceratocone de progredir é a principal meta do tratamento desta doença. Existem algumas técnicas que devem ser aplicadas, de acordo com o estágio da doença. Porém, quando estas técnicas não têm o efeito desejado, é hora de partir para a última linha de defesa: o transplante de córnea.

Ceratocone e seus efeitos na córnea

O Ceratocone é uma doença ocular progressiva e não inflamatória, que provoca a degeneração das fibras de colágeno existentes no tecido corneano. Estas fibras são importantes para manter a córnea estável e com a curvatura ideal para uma boa visão. A córnea que desenvolve Ceratocone passa a ficar mais fina e mais curva, o que afeta o processo da visão do paciente.

Este aumento gradual na curvatura da córnea tem efeitos diretos sobre a qualidade visual, que vai caindo à medida em que o Ceratocone progride. A visão fica embaçada, distorcida ou dupla, além de sensibilidade à luz e dificuldade muitas vezes extrema de enxergar em ambientes mais escuros. Estes são sintomas muito similares aos sintomas de Astigmatismo e/ou Miopia – por isso é comum que o Ceratocone, em seus estágios iniciais, seja difícil de identificar. Por isso, é importante manter uma rotina de acompanhamento oftalmológico regular, e realizar os exames de Ceratocone para facilitar o diagnóstico precoce.

Tratando o Ceratocone

Os principais objetivos do tratamento do Ceratocone são melhorar a acuidade visual do paciente e interromper a progressão da doença. E apesar de o Ceratocone não ser uma doença ocular de caráter inflamatório, é importante iniciar o tratamento logo após o diagnóstico, já que a doença afeta diretamente a qualidade da visão – e de vida – do paciente.

Uma fase importante do tratamento será a correção da acuidade visual, com óculos ou lentes de contato, E uma excelente opção, são as lentes esclerais – lentes de contato rígidas especiais e de alta permeabilidade, que tem altos índices de adaptação, pois se apoiam sobre a esclera (parte branca do olho) – leia mais sobre as lentes esclerais aqui.

Associada à correção visual, está a necessidade de interromper a progressão da doença, e o crosslinking é um dos procedimentos necessários para isso. Leia mais sobre o crosslinking clicando aqui.

Uma outra excelente opção no arsenal do tratamento do ceratocone é o implante dos Anéis Intra-estromais (Anel de Ferrara), que é uma pequena estrutura de acrílico que serve para dar maior sustentação e regularidade, reduzindo a curvatura da córnea. Leia mais sobre o Anel de Ferrara clicando aqui.

Transplante de Córnea

O Ceratocone era o maior responsável pela realização de transplantes de córnea no Brasil há alguns anos atrás- 7 de cada 10 cirurgias eram devido ao Ceratocone muito avançado. Hoje, devido a melhora da tecnologia, do conhecimento e do acesso aos especialistas, esses números vêm caindo progressivamente.

O transplante de córnea é a última técnica a ser aplicada no tratamento da doença, e só será necessário quando as técnicas anteriores não forem mais suficientes para impedir que o Ceratocone continue progredindo e a visão acabe se tornando insatisfatória. Neste casos, será necessário fazer a troca da córnea por uma córnea doadora saudável, de forma parcial ou total dependendo da indicação individual.

Transplante Lamelar x Transplante Penetrante

A troca da córnea pode ser feita de forma parcial ou completa.

O Transplante Lamelar faz a troca de algumas camadas, ou lamelas, de tecido corneano, de forma a preservar uma camada nobre do tecido, chamada de Endotélio. É um tipo de transplante que apresenta baixos níveis de rejeição, já que o tecido não é trocado integralmente. Além disso, tem um tempo de recuperação um pouco mais rápido.

Já o Transplante Penetrante é o nome dado ao procedimento de troca completa da córnea, em todas as suas camadas. Neste procedimento, a córnea danificada é substituída integralmente por uma córnea doadora nova e saudável. O tecido é costurado com pequenas suturas junto à córnea, recuperando a curvatura e transparência ideal para uma boa visão.

Quer saber mais?

O Núcleo de Excelência em Oftalmologia desenvolveu um infográfico completo, com tudo o que você precisa saber sobre o Ceratocone. Para acessar este conteúdo, basta clicar no link abaixo.

ebook-de-ceratocone-neo

Ficou com alguma dúvida?

Fale conosco pelo telefone (31) 3235-0001, pelo WhatsApp (31) 9-7109-0445 ou pela Central de Atendimento em nosso site.